Bem-vindos!

Bons amigos, valorosos guerreiros da espada e da magia, nobres bardos e todos aqueles com quem tiver o prazer de cruzar meu caminho nesta valorosa, emocionante e por vezes trágica jornada em que me encontro! É com grande alegria e prazer que lhes dou as boas-vindas, e os convido a lerem e compartilharem comigo as crônicas e canções que tenho registradas em meu cancioneiro e em meu diário...Aqui, contarei histórias sobre valorosos heróis, batalhas épicas e grandes feitos. Este é o espaço para que tais fatos sejam louvados e lembrados como merecem, sendo passados a todas as gerações de homens e mulheres de coração bravo. Juntos cantemos, levando as vozes daqueles que mudaram os seus destinos e trouxeram luz a seus mundos a todos os que quiserem ouvi-las!Eu vos saúdo, nobres aventureiros e irmãos! Que teus nomes sejam lembrados...
(Arte da imagem inicial por André Vazzios)

Astreya Anathar Bhael

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Gaia

Em Midgard, Gaia, a deusa grega da terra, nasceu após Caos e era a segunda divindade primordial, com imensa força criadora, sendo a base que sustenta todas as coisas. A hipótese de Gaia vê a terra como um ser vivo, integrado, mãe de tudo e de todos. E pode-se dizer que não é de hoje a ideia de que a Terra e tudo que há nela está vivo e tem um espírito.... shamans e sacerdotes de vários povos e culturas são descritos como aqueles que evocam espíritos da natureza. Fadas, gnomos, ondinas (espíritos da água) e salamandras (espíritos do fogo) são mencionados, de formas variadas, em diversas culturas.

Em Elgalor, existem aqueles que pouco entendo mas muito admiro, que lidam com a natureza, suas formas e seus espíritos. Aos druidas, eu costumo cantar em homenagem a entidade de Gaia, a mãe-natureza, e aos elfos e fadas que tanto a prezam. E neste dia, trago-vos as canções que já entoei em louvor à pureza e ao poder da natureza e de seus habitantes.


Gaia - Maggie Reilly


Greenwaves - Secret Garden

11 comentários:

  1. Gostei das canções, especialmente da segunda, e também do texto do post. Essa ideia de que a terra é um ser vivo e que todas as coisas possuem um espírito é fascinante.

    ResponderExcluir
  2. Gronark, Deus do Sofrimento e Canibalismo6 de agosto de 2010 11:30

    Belas canções, mas quando Chaos tomar conta de toda a existência. Beleza, moral, ordem, bondade e pureza serão substituídas por insanidade, selvageria, egoísmo, instinto, perversão e liberdade.
    HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
  3. Concordo contigo, sábio clérigo, esta é uma ideia deveras fascinante... a segunda canção de fato é muito bela.

    Gronark, o caos jamais prevalecerá sobre todas as outras energias que compõem nossa existência. Mas talvez prevaleça em sua alma, por isso tu és levado a dizer tantas coisas insensatas.

    ResponderExcluir
  4. Gronark, Deus do Sofrimento e Canibalismo6 de agosto de 2010 14:09

    Maldito sejas Gronark! Tu és uma existência profana que só pensas em corromper e destruir, e logo encontraras teu fim nas mãos daqueles que tu ofendeste.
    Mística Louca. Tu apesar de ser uma Elfa Sombria, ainda és uma elfa. Como tu podes compactuar com Gronark que profana a natureza e seus animais?

    ResponderExcluir
  5. Leonardo Viera Andrade6 de agosto de 2010 14:10

    Realmente estou super ansioso pela continuação das Crônicas. Agora que meu personagem maligno ira aparecer.
    Eu sou um estudante de psicologia e isso meio que reflete no Gronark, mas para o mal. Ele explora os medos e falhas que seus adversários tem. Um exemplo seria o personagem Ragnar Ragnarson (Eu li as Crônicas Saxônicas.) Ele usou fatos sombrios do passado desse personagem para tentar quebrar seu espírito, e ele quase se rendeu. (Valeu Ragnar por ter entrado na brincadeira.)
    O que eu sugiro é que talvez ele use isso contra vocês. Gronark é louco, mas também é um gênio estratégico, e nunca subestima seus adversários.
    Teve uma vez um post nos salões de Odin, que acontecimentos das Guerras de Asgard afetariam as Crônicas de Elgalor. Então tenho algumas perguntas.
    O mal crescente no mundo de Elgalor se deve a uma profecia sobre Gruumsh certo? Mas Cthulhu estaria envolvido nisso de alguma forma?
    As Crônicas irão se ambientar nas Guerras de Asgard mais tarde?
    Gronark era referido por Odin como o líder da Horda. Ele ainda será o líder dela nas Crônicas? A relação de Skarr com ele é de subalterno ou um aliado de igual poder?
    Odin é um sábio conselheiro e líder, mas nas crônicas Odin ira aparecer ou será algum personagem subistituto? (Apostei 5$ Reais com o Rafael que será o profeta o Senhor dos Ventos que substituirá Odin nas Crônicas.)
    A ordem de cavalaria élfica Aelavellin Corellon. Em comum quer dizer Cavaleiros da Espada de Corellon (Races of the Wild, Pag.114) ira aparecer? Coran como o maior guerreiro dos elfos será membro dessa organização? Rhorvals (60 anos, mas biologicamente 40. Já que ele ficou preso no espelho e só depois das guerras ele foi solto.) e Coran se conheceriam e seriam amigos?
    Rhorval seria igual à foto daquele elfo mago em uma armadura. Só que no lugar do cajado flamejante ele teria duas espadas élficas flamejantes.
    Grato pela atenção.
    Gronark
    http://mythicmktg.fileburst.com/war/us/home/images/wallpaper/100108_WAR_Tchar.jpg
    Mística Louca
    http://mythicmktg.fileburst.com/war/us/home/images/wallpaper/100108_WAR_WE.jpg
    Brasão dos Aelavellin Corellon
    http://images3.wikia.nocookie.net/__cb20071004080318/warhammeronline/images/1/1b/High_elf_icon.jpg

    ResponderExcluir
  6. Leonardo Viera Andrade6 de agosto de 2010 14:22

    Antes que alguém comente. O penúltimo comentário seria do Rhorvals Alhanadel, o Ciclone de Aço é nisso que da beber na frente do computador, e usar copiar e colar.

    ResponderExcluir
  7. Ai que burro! Da zero pra ele. (brincadeira ta Leo.)

    ResponderExcluir
  8. Verhanna Folha Selvagem, a Arquidruidisa de Kharnat7 de agosto de 2010 08:51

    Obrigada Astreya por essas belas canções que mostram a força e a beleza da natureza. Discutir certo e errado com Gronark é perda de tempo Astreya.

    ResponderExcluir
  9. @Leonardo: Ainda bem que vc explicou... já tava achando que o Gronark estava sofrendo de dupla personalidade!

    ResponderExcluir
  10. E eu achei que ele estava sendo finalmente dominado pelo caos! Verhanna, tu tens razão.

    Caros amigos, hoje teremos mais um capítulo das crônicas, em breve, e pedirei para Odin responder vossas dúvidas, nobre Leonardo. Uma que acredito que possa responder é que acho que Cthulhu não se fará presente nesse momento juntamente a Gruumsh, pois acho que não combinaria muito bem com o desenrolar da história... mas esperemos pelas considerações de Odin...

    ResponderExcluir
  11. Amigo Leonardo, respondendo a tuas dúvidas, digo para não te preocupares em relação à personalidade de Gronark. Pude conferir suficientemente bem seus métodos para confundir e enfraquecer seus adversários quebrando seus espíritos (É exatamente assim que um seguidor de Erythnul de alto escalão atua, quebrando a mente e depois o corpo de seus inimigos). Isto será usado na Torre do Desespero.

    Como havia dito antes, As Crônicas de Elgalor e as Guerras de Asgard são duas histórias distintas. Unir as duas histórias criaria um "vácuo" no enredo das Crônicas e na história de muitos personagens (como Thingol, por exemplo). Por esta razão, as histórias estão totalmente separadas. Evidentemente, Cthulhu não fará nenhuma aparição.

    Coran Bhael pertence à duas ordens de guerreiros: Os Cavaleiros da Lua de Sírhion, ordem formada pelos melhores guerreiros e rangers do reino dos Elfos de Prata e a ordem conhecida como "As 10 Espadas", ordem de elite que reúne os maiores guerreiros élficos da história. Tudo isso será narrado posteriormente nas crônicas.


    E alegra-te, pois tu ganhastes R$ 5,00.

    ResponderExcluir